BTI

Imagem da notícia: BTI

A captura
em extensão DICOM
permite agora mais independência ao médico dentista, assim como a visualização
em 3D acarreta mais-valias na avaliação de diagnóstico e no planeamento
cirúrgico.

 

A linha de implantes BTI conheceu igualmente “novos avanços”, como
refere a responsável de eventos da empresa, Ana Galvão. Com medidas mais
inovadoras e diferenciadas, o implante Tiny evidencia agora uma nova medida de 4,5 milímetros e o
implante Universal Plus, que detém uma plataforma única de 4,1 milímetros e um
colo expandido, continua a recolher aceitação generalizada entre os clínicos.

 

O
BTI Ultrasonic constituiu outra das presenças. “Com este equipamento abrimos o
leque de hipóteses, actuando na cirurgia oral avançada, nas técnicas de
expansão de crista e na elevação do seio”, reforça Ana Galvão. Com um plano de
cursos na área das técnicas cirúrgicas durante os três dias do congresso, o
‘stand’ da BTI assumiu-se também como um local de ampla actividade formativa.

9 Dezembro, 2009
Atualidade

Notícias relacionadas

Medicina dentária: pandemia indica que setor tem de se adaptar

A medicina dentária precisa de preparar para futuras crises, conclui um estudo feito pela Al-Quds University em Jerusalém, juntamente com o Ministério da Saúde Palestiniano em Ramala e a Universidade de Iowa (Iowa, Estados Unidos da América).

Ler mais 21 Abril, 2021
AtualidadeMedicina dentária