“Melhor preço no mais curto espaço de tempo”

Imagem da notícia: “Melhor preço no mais curto espaço de tempo”

DentalPro: Quais as novidades da Orthosmile para 2010?

Beatriz Barros: Este ano a grande novidade dá pelo nome de Radiance. Estes são os ‘brackets’ estéticos mais vendidos em todo o mundo. Compostos de safira, que se demarca pela extrema resistência, os Radiance prometem conquistar os clínicos e ortodontistas nacionais. No que se refere aos auto-ligados, os Empower, exibimos uma nova solução, que passa pelos ‘brackets’ interactivos, passivos nos posteriores e interactivos nos anteriores. Deste modo, os médicos dispõem de uma ferramenta que lhes permite controlar os efeitos indesejáveis, já que estes novos auto-ligados oferecem um controlo reforçado do avanço do tratamento. Outra aposta está patente nos tubos de baixo perfil, que se colam nos primeiros e segundos molares e que vêm substituir as antigas bandas. Iremos ter, igualmente, novos arcos, os Tritanium, com diferentes forças e os arcos estéticos Everwhite.

DP: Os cursos que promovem, em colaboração com a Fundação Gnathos, constituem também outra das vossas grandes apostas.

BB: Sim, aliás a Orthosmile começou com a missão de trazer para a zona norte os cursos da Fundação Gnathos, que iniciamos em 1998. Só mais tarde, já em 2000, inaugurámos a componente comercial, ligada à distribuição de material ortodôntico, pois surgiu, de forma insistente, a necessidade de fornecer material aos nossos formandos. E assim conseguimos a representação da American Orthodontics, que se assume como uma das quatro maiores empresas mundiais do ramo.

DP: Distribuem ainda outras insígnias?

BB: Detemos uma vasta oferta para as clínicas e consultórios dentários, com especial atenção para a especialidade de ortodontia. Ao nível da informática, distribuímos os produtos Nemotec, que possui o programa de cefalometria mais utilizado pelos médicos dentistas portugueses. Na implantologia promovemos os implantes Innova, que pertencem à norte-americana Sybron. E, em mais pequena escala, disponibilizamos ainda os articuladores da alemã SAM.

DP: Como define a vossa presença no mercado?

BB: Primamos pela excelente relação qualidade/preço e concretizamos a diferença na área com a rapidez de entrega. Aliás, o lema da American Orthodontics é: “O melhor preço no mais curto espaço de tempo”. De salientar ainda a excelente relação que construímos, ao longo do tempo, com os médicos dentistas.

DP: Os cursos de ortodontia organizados pela Orthosmile distinguem-se da concorrência pela forte aposta na componente clínica…

BB: Cada formação congrega perto de 40 médicos dentistas e inovamos ao complementar os ensinamentos teóricos com uma forte abordagem prática. Todos os alunos comprometem-se a acompanhar dois pacientes durante 24 meses e cada turma é supervisionada por quatro ortodontistas. Assim, damos a oportunidades a quem se inicia de interagir com os pacientes, adquirindo experiência para o exercício profissional.

DP: Como prevê o panorama da ortodontia no futuro?

BB: A ortodontia chegou aos adultos e este contexto acarreta novas possibilidades para a especialidade. A preocupação com a estética advém exactamente daí, já que as pessoas querem melhorar o seu aspecto ou resolver problemas funcionais, sem os inconvenientes de um aparelho tradicional. A população adulta despoletou a necessidade da estética.

BIO: Maria Beatriz Corbal Simões Azevedo Barros nasce a 13 de Setembro de 1962, no Porto. Após a conclusão do ensino secundário no Liceu Alemão, na cidade Invicta, ingressa no curso de Línguas e Literaturas Modernas, variante inglês/alemão, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Termina a licenciatura em 1984 e inicia a sua carreira profissional na multinacional alemã, BASF, onde permanece durante 13 anos. Em 1998 resolve aventurar-se um negócio próprio e cria a Orthosmile, com o intuito de trazer para o norte os cursos de ortodontia da Fundação Gnathos. A partir de 2000, a empresa enceta a distribuição de material ortodôntico. O que começou como uma oportunidade, exibe-se hoje para Beatriz Barros um modo de vida.

 

 

8 Março, 2010
Entrevistas

Notícias relacionadas

Nasceu o laboratório Pedro Estadão Dental Studio

Pedro Chora Estadão abraçou, no início do ano, a responsabilidade técnica dos laboratórios Labimplant e Marum-Tecnidente do grupo Instituto de Implantologia. No entanto, a situação gerada pela pandemia de Covid-19 alterou os seus planos, terminando assim a sua ligação a João Caramês e encetando um novo desafio profissional: a criação do seu próprio laboratório, o Pedro Estadão Dental Studio.

Ler mais 2 Setembro, 2020
EntrevistasPrótese dentária