Enfermeiros espanhóis prescrevem medicamentos

Imagem da notícia: Enfermeiros espanhóis prescrevem medicamentos

O Congresso espanhol declarou, unanimemente, que os enfermeiros têm capacidade para prescrever medicação não sujeita a receita médica, contra o parecer da classe dos médicos.

A medida aplica-se desde Dezembro de 2009, mas o presidente do Conselho Geral de Enfermagem do país, Máximo Gonzalez, explicou à imprensa que no fundo isto é uma oficialização do que já se fazia em casos urgentes, sem se cometer uma ilegalidade.

As entidades decisoras espanholas admitem que esta permissão se poderá alargar aos fármacos sujeitos à prescrição clínica.

Em Portugal, a nova lei do país vizinho levantou a questão aos representantes de ambas as profissões. O bastonário da Ordem dos Médicos, Pedro Nunes, rebateu em absoluto este quadro regulamentador, qualificando-o como “absurdo” e como uma forma dos governos pouparem dinheiro. Carlos Maurício, bastonário da Ordem dos Enfermeiros, também não reconhece quaisquer vantagens ao modelo.

À semelhança da Espanha, França, Reino Unido e Canadá já decidiram atribuir mais responsabilidades à profissão enfermeiro, no sentido de optimizar os recursos humanos. No Reino Unido, os enfermeiros ocupam-se, inclusive, da realização das endoscopias digestivas.

 

 

9 Março, 2010
Atualidade

 
imagem
Quer receber a nossa newsletter?
Newsletter semanal com novidades e notícias da medicina dentária. Dirigido especialmente a profissionais do setor.

Vamos guardar os seus dados só enquanto quiser. Ficarão em segurança e a qualquer momento pode editá-los ou deixar de receber as nossas mensagens.

 

Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

Ana Sofia Lopes concorre a bastonária da OMD

Sob o mote “Já é Tempo de dar Voz aos Médicos Dentistas”, Ana Sofia Lopes apresenta-se como “a médica dentista ideal para liderar a OMD num momento crucial para a profissão e para a saúde oral em Portugal”.

Ler mais 15 Abril, 2024
Atualidade