“O congresso excedeu as nossas expectativas”

Ainda com o XIX Congresso da Ordem dos Médicos como pano de fundo, Pedro Pires, organizador da iniciativa, sentou-se no ‘stand’ da DentalPro para descrever o balanço do evento alvo de todos os recordes.

DentalPro: O Congresso da Ordem dos Médicos Dentistas sob sua organização foi um sucesso…

Pedro Pires: Sem falsas modéstias, reconheço que o congresso excedeu as nossas expectativas, por vários motivos concretos. Os 7200 metros quadrados destinados à  Expodentária lotaram a dois meses do evento. Tivemos inclusive que improvisar uma nova área na parte exterior que também ficou completa. Pela primeira vez, já na parte científica, o curso das assistentes dentárias esgotou. Tínhamos capacidade para 300 e vendemos entradas para mais de 400. O que forçou, também aqui, a uma reformulação da sala. De resto, as opiniões captadas foram extremamente positivas em todos os âmbitos deste acontecimento e os 10 por cento de aumento de participantes corrobora este sentimento favorável.

 

DP: O que causou a afluência maior?

PP: Há mais médicos dentistas isso é inegável. Depois relaciona-se com o sucesso deste modelo, já percepcionado tanto pela indústria como pelos especialistas. Isto garante desde já o sucesso de pelo menos mais dois anos de congresso.


DP: Desafios das próximas organizações?

PP: Este ano apostámos seriamente no mercado espanhol, quer na divulgação às empresas quer na realização do Fórum Ibérico – um dia inteiro com conferencistas de altíssimo nível de quatro das principais sociedades científicas espanholas. Levam de Portugal a imagem de um congresso de qualidade que atrairá mais empresas. Isto acontece no seguimento do que se fez com o Brasil há uns anos. Abrimos as portas da ciência a Espanha e a um intercâmbio proveitoso para ambos. No país vizinho, não há nenhum congresso multidisciplinar, porque funcionam mais por especialidades. É um trunfo muito grande para nós.

 

 

 

13 Dezembro, 2010
Entrevistas

Notícias relacionadas

“Pretendemos que esta formação se situe na vanguarda”

Longínquo vai o ano de 1999, quando a base da especialização em periodontologia foi apresentada pela Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto (FMDUP). Volvidas mais de duas décadas, Ricardo Faria Almeida é o responsável pela nova pós-graduação de Periodontologia e Implantes da instituição portuense.

Ler mais 30 Março, 2021
Entrevistas

“Somos um sindicato democrático”

Em 2010, a DentalPro conversou com António Roseiro, o presidente do primeiro Sindicato dos Médicos Dentistas, instituição que acabou por desaparecer. Uma década depois, é constituído um novo organismo, o Sindicato dos Médicos Dentistas Português (SMDP), e não pudemos deixar de dar voz a João Neto, o seu membro fundador número um e presidente da assembleia-geral.

Ler mais 11 Janeiro, 2021
Entrevistas

“O nosso foco é a digitalização da ortodontia invisível”

Fundada em 2019, a Impress é uma rede de clínicas espanhola especializada em ortodontia invisível que aposta num serviço exclusivamente digital. Após uma primeira consulta presencial, os médicos dentistas fazem todo o acompanhamento dos pacientes através de uma app. Por meio de uma videochamada com Diliara Lupenko, cofundadora e Chief Operating Officer (COO) da Impress, ficámos a conhecer melhor este projeto.

Ler mais 31 Dezembro, 2020
Entrevistas