Estudo comprova viabilidade da textura da zircónia

Um estudo recente vem demonstrar que a zircónia ‘prettau’ polida quase não provoca abrasão.

Estes dados vêm contrariar as críticas lançadas por alguns profissionais, que consideravam este material demasiado abrasivo, podendo provocar desgaste acelerado dos dentes naturais. Divulgado pela empresa transalpina Zirkonzahn, este estudo, que vai de encontro aos resultados de outras análises semelhantes realizados por entidades indepedentes, permitiu ainda compreender que tanto a cerâmica estratificada de recobrimento, como o esmalte do dente natural, produzem mais desgaste do que a zircónia ‘prettau’.

30 Dezembro, 2010
Atualidade




Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

Cristiana Palmela Pereira preside à IOFOS

Cristiana Palmela Pereira é a nova presidente da International Organization for Forensic Odonto-stomatology (IOFOS), organização na área da Medicina Dentária Forense. A médica dentista portuguesa foi eleita a 8 de setembro para o triénio 2023-2026, durante a assembleia-geral do organismo que decorreu em Dubrovnik (Croácia).

Ler mais 20 Setembro, 2023
Atualidade

Hospital de Santa Maria – Porto tem nova UDLO

O Hospital de Santa Maria no Porto dispõe de uma nova unidade de diagnóstico de lesões orais (UDLO). Esta unidade é constituída por uma equipa funcional integrada de identificação e de classificação de lesões da boca, com particular foco no reconhecimento e no estadiamento do cancro oral. Esta nova unidade é coordenada por Tiago Fonseca.

Ler mais 13 Setembro, 2023
Atualidade