OMD acusa seguradoras de enganarem doentes

Imagem da notícia: OMD acusa seguradoras de enganarem doentes

O bastonário da Ordem dos Dentistas acusou as empresas de seguros de enganarem os doentes visando unicamente o lucro, situação que pretende combater com a criação de uma tabela que define os actos médico-dentários.

“Acontece com alguns seguros de saúde em que o doente é absolutamente enganado. É vulgar haver seguros que publicitam tratamentos gratuitos, mas não há tratamentos gratuitos”, revelou Orlando Monteiro da Silva, em entrevista à agência Lusa.

O bastonário fala em casos de “falta de transparência” e numa “situação pantanosa”, alertando para a necessidade de criar legislação que enquadre os seguros de saúde.

O bastonário relatou que recebe queixas de várias pessoas que se convencem de que aderem a um plano de cobertura de saúde oral quando, afinal, apenas ficam abrangidas por meia dúzia de actos.

“Pretendemos uma uniformização de critérios para acabar com o livre arbítrio e fazer com que os doentes possam saber pelo que estão cobertos e possam comparar, escolher e decidir”.

5 Dezembro, 2011
Atualidade

Notícias relacionadas

Medicina dentária: pandemia indica que setor tem de se adaptar

A medicina dentária precisa de preparar para futuras crises, conclui um estudo feito pela Al-Quds University em Jerusalém, juntamente com o Ministério da Saúde Palestiniano em Ramala e a Universidade de Iowa (Iowa, Estados Unidos da América).

Ler mais 21 Abril, 2021
AtualidadeMedicina dentária