Faculdade de Direito da UC cria sistema para reduzir erro médico

Imagem da notícia: Faculdade de Direito da UC cria sistema para reduzir erro médico

Foi criado na Universidade de Coimbra (UC) um sistema legal menos agressivo e mais favorável à redução do erro médico.

A Universidade prevê que este projeto seja apresentado no início do mês de Outubro e espera tornar mais eficaz a resolução de casos em tribunal e a atribuição de indemnizações aos pacientes.

O estudo “Para um quadro legal de responsabilidade médica menos agressivo, mais eficaz e mais favorável à redução do erro médico” está a ser desenvolvido há dois anos na Faculdade de Direito da UC por uma equipa de 10 investigadores e conta com o financiamento da Fundação para a Ciência e Tecnologia.

A dificuldade em determinar a verdade do que aconteceu num determinado caso e de provar os factos que sustentam as ações judiciais foram os grandes motivos pelos quais a equipa de investigadores se lançou neste projeto.

As conclusões finais do estudo vão ser apresentadas durante o mês de Outubro, em Coimbra, numa conferência internacional sobre Direito Biomédico, promovida pela Associação Europeia de Direito da Saúde.

 

 

2 Abril, 2013
Atualidade

Notícias relacionadas

Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Alexandre Quintanilha foi distinguido com o Grande Prémio Ciência Viva, pela sua ação notável na promoção da cultura científica. Destaque ainda para o Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos, galardoado com o Prémio Ciência Viva Educação, e para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida, que recebeu o Prémio Ciência Viva Media.

Ler mais 24 Novembro, 2020
Atualidade

Elixir bucal pode eliminar o coronavírus?

A pesquisa – liderada pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido – afirma que os elixires bucais que contenham 0,07% de cloreto de cetilpiridínio (CPC) estão a mostrar “sinais promissores” na redução do vírus.

Ler mais 20 Novembro, 2020
Atualidade