Médicos dentistas em excesso

Imagem da notícia: Médicos dentistas em excesso

Orlando Monteiro da Silva, bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas, considera que há em Portugal um “excesso de formação na área”, que resulta num aumenta da emigração.

Em declarações à Lusa, o bastonário explicou que as “sete faculdades de Medicina Dentária, quase o mesmo número que as faculdades de Medicina”, formam “demasiados médicos dentistas para a procura atual do nosso país”.

O número de profissionais na área a trabalhar no estrangeiro ascende os mil, no qual a maior parte são os jovens recém-licenciados ou os médicos mais novos.

A crise económica obriga a muitas pessoas adiarem consultas ao dentista, facto que “adensa os problemas da profissão”.

Orlando Monteiro da Silva pondera que o turismo de saúde é uma forma de ajudar a contrariar esta tendência, no sentido de permitir tratamentos noutros países europeus mediante um reembolso.

Frisando o excelente trabalho dos profissionais nacionais e os bons tratamentos, o bastonário afirma que “é muito difícil de bater na Europa” a relação preço qualidade portuguesa, pelo que haverá sempre trabalho.

22 Novembro, 2013
Atualidade




Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

HeyDoc nova marca da Lusíadas Saúde

A Lusíadas Saúde assume uma posição nas áreas de medicina dentária e de estomatologia, com a união da Lusíadas Dental e da rede de Clínicas Dr. Well's. Nasce, assim, a HeyDoc.

Ler mais 22 Fevereiro, 2024
Atualidade