Médicos dentistas em excesso

Imagem da notícia: Médicos dentistas em excesso

Orlando Monteiro da Silva, bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas, considera que há em Portugal um “excesso de formação na área”, que resulta num aumenta da emigração.

Em declarações à Lusa, o bastonário explicou que as “sete faculdades de Medicina Dentária, quase o mesmo número que as faculdades de Medicina”, formam “demasiados médicos dentistas para a procura atual do nosso país”.

O número de profissionais na área a trabalhar no estrangeiro ascende os mil, no qual a maior parte são os jovens recém-licenciados ou os médicos mais novos.

A crise económica obriga a muitas pessoas adiarem consultas ao dentista, facto que “adensa os problemas da profissão”.

Orlando Monteiro da Silva pondera que o turismo de saúde é uma forma de ajudar a contrariar esta tendência, no sentido de permitir tratamentos noutros países europeus mediante um reembolso.

Frisando o excelente trabalho dos profissionais nacionais e os bons tratamentos, o bastonário afirma que “é muito difícil de bater na Europa” a relação preço qualidade portuguesa, pelo que haverá sempre trabalho.

22 Novembro, 2013
Atualidade


Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

Portas abertas na 35a edição das Jornadas de Medicina Oral da FMDUL

As Jornadas de Medicina Oral da Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa (FMDUL) estão de volta ao modelo presencial entre esta quinta-feira (19) e sexta-feira (20), nas instalações da Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa, no Auditório Prof. Armando Simões dos Santos.

Ler mais 19 Maio, 2022
AtualidadeEventosMedicina dentária