OMS alerta o mundo para a pólio

Imagem da notícia: OMS alerta o mundo para a pólio

A Organização Mundial de Saúde lançou hoje um alerta para a prevenção da poliomielite, considerando esta doença como emergência sanitária mundial.

Em causa está o número crescente de casos de contágio nos últimos seis meses, em mais de uma dezena de países. A pólio é uma doença infeciosa viral, via rota fecal-oral, isto é, os agentes patogénicos passam da cavidade retal para a oral, de um hospedeiro para o outro.

Pode transmitir-se de várias formas, como pela água que esteve em contacto com fezes ou residual mal tratada, comida que também esteve em contacto direto com fezes, insetos, como as moscas, e poucos cuidados de higiene. Está presente em regiões do terceiro mundo ou em vias de desenvolvimento, nomeadamente Ásia Central, Médio Oriente e África Central.

O alerta visa sobretudo chamar a atenção para a prevenção, de forma a evitar uma propagação internacional. A estratégia passa pela distribuição de vacinas, vigilância do poliovírus e imunização de rotina.

A OMS recomenda que todas as regiões infetadas declarem estado de emergência de saúde pública e a vacinação a visitantes que estejam no país há quatro semanas e pretendam fazer viagens internacionais, como também à população, especialmente aos mais afetados Paquistão, Camarões e Síria.

Daqui a três meses, os especialistas do Comité de Emergência da OMS farão nova análise. O alerta coincide com o Dia Mundial da Higiene das Mãos, tarefa que ajuda bastante na prevenção da pólio.

5 Maio, 2014
Atualidade

Notícias relacionadas