“Desde pequena que a medicina me apaixona”

Imagem da notícia: “Desde pequena que a medicina me apaixona”

Cátia Íris Gonçalves optou por enveredar pela dentária para unir medicina e arte num só.

DentalPro: Por que razão decidiu enveredar pela Medicina Dentária?
Cátia Íris Gonçalves:
Só tenho jeito para duas coisas: medicina e arte. Juntei, portanto, as duas áreas numa só: a Medicina Dentária. Sempre gostei e tive destreza para trabalhos manuais, característica que herdei de ambos os meus pais, que têm uma enorme sensibilidade artística. Além disso, desde pequena que a medicina me apaixona, pela relação muito estreita que tenho com a minha tia e a minha prima, que são médicas. Mas, foi só no 12oano que decidi enveredar por este caminho. Foi a melhor decisão da minha vida! Porém, quando comecei a trabalhar, tive dúvidas se seria realmente aquilo que eu queria fazer, pois existiam muitas partes na Medicina Dentária que não me satisfaziam, principalmente aquela “Medicina Dentária” que se pratica de forma célere. Gosto de estar envolvida no trabalho que faço. Prefiro atender três ou quatro pacientes por dia – em vez de 30 – e ter tempo para eles.

Leia a entrevista na íntegra na DentalPro 82, aqui.

13 Novembro, 2014
Entrevistas




Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

“O objetivo é continuar a dar formação e apoio na área da fotografia”

Luís Valadares, médico dentista há 22 anos e formador na área da fotografia conversou com a DentalPro sobre o seu percurso e mostrou-nos os benefícios da fotografia. Ligado recentemente à marca Sony, o formador revela que o objetivo é “continuar a dar formação e apoiar os colegas médicos dentistas na área da fotografia.

Ler mais 5 Fevereiro, 2024
Entrevistas

“A educação desempenha papel vital na formação de profissionais de saúde”

António Ferraz, médico dentista premiado durante o II Congresso da UNIPRO, com a investigação “Platelet activation, inflammatory cytokines and antimicrobial activity on L-PRF”, refere que o que o move na vida e na profissão "é a paixão pelo conhecimento, pela pesquisa e pelo impacto positivo que a ciência pode ter na vida das pessoas".

Ler mais 31 Janeiro, 2024
Entrevistas

SPCO volta a organizar o seu congresso

A Sociedade Portuguesa de Cirurgia Oral (SPCO) voltou a organizar o seu congresso no final de setembro, aberto a todos os que se dedicam à cirurgia oral, guiados pelas boas práticas que todos pretendem defender na execução do seu trabalho.

Ler mais 24 Janeiro, 2024
Entrevistas