Madeira: Programa para prevenir cancro oral vai avançar

Imagem da notícia: Madeira: Programa para prevenir cancro oral vai avançar

No encontro, que decorreu a 31 janeiro, o representante da Madeira no Conselho Diretivo da Ordem dos Médicos Dentistas, Gil Fernandes Alves, manifestou junto do secretário Regional da Saúde, Pedro Ramos, a necessidade de se implementar o Programa de Intervenção Precoce do Cancro Oral (PIPCO), que vigora no continente.

Esta medida permitirá diminuir as listas de espera para uma primeira consulta no serviço público. Gil Fernandes Alves alertou que “neste momento, um doente que não tenha disponibilidade financeira para fazer uma biópsia no privado, terá que ser enviado para a consulta a nível hospitalar. Espera cerca de oito meses pela primeira consulta. Só depois será marcada a consulta de biópsia”. Pedro Ramos concordou que o programa deverá avançar o mais rápido possível.

24 Fevereiro, 2017
Medicina dentária

Notícias relacionadas

Estudo da UC conclui que a diabetes dificulta o tratamento de infeções dentárias

Um estudo realizado por uma equipa do Instituto de Endodontia da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) conclui que a diabetes dificulta a cicatrização das infeções ósseas dos maxilares de origem dentária, devido à alteração do processo de formação de novos vasos sanguíneos e consequente deficiência de irrigação sanguínea.

Ler mais 20 Setembro, 2021
AtualidadeMedicina dentária