“Social Health Bitrate” – Portugal lidera

Imagem da notícia: “Social Health Bitrate” – Portugal lidera

Portugal é um dos países onde os tópicos sobre saúde estão mais presente nas conversas partilhadas nas redes sociais, revelam os dados de um barómetro internacional que avaliou este tema em 11 países de todo o mundo.

O trabalho “Global perspective on healthcare social media conversation”, que inquiriu os diretores de agências de comunicação que integram a rede Global Health PR, uma network internacional que reúne agências de comunicação da área da saúde e ciência de todo o mundo, mostra que, por cá, o tema da saúde tem lugar de destaque nas redes sociais. De resto, o nosso é o terceiro país, do grupo em análise, onde isso mais acontece, apenas precedido da Itália e do Reino Unido. Portugal consegue 7 valores, numa escala de 1 a 10, sendo 10 o melhor resultado.

E são os doentes os principais impulsionadores destas conversas, revela a mesma fonte, seguidos de perto pelas associações não-governamentais. Um cenário que é apenas diferente no México, Alemanha, Itália e França, onde outros protagonistas, como o Governo (no caso do México), os jornalistas (para Alemanha e França) e a indústria de consumer healthcare (Itália), assumem a liderança.

A indústria farmacêutica é a que menos motiva as conversas sobre saúde nas redes sociais, uma situação que é transversal a quase todos os países que participam neste estudo, com exceção dos EUA e do Brasil, onde ocupa os lugares cimeiros.

O barómetro foi feito junto de agências de comunicação e relações públicas da Alemanha, Austrália, Argentina, Brasil, Canadá, Dinamarca, Suécia, Noruega, EUA, Espanha, França, Hong Kong, Índia, Itália, México, Polónia, Portugal e Reino Unido.

25 Julho, 2017
Atualidade

Notícias relacionadas