Saúde oral influencia doenças cardiovasculares

Imagem da notícia: Saúde oral influencia doenças cardiovasculares

No âmbito do dia mundial do coração, Ricardo Faria Almeida, médico dentista da associação Best Quality Dental Centers, alerta para a influência que uma má saúde oral pode ter a nível de doenças cardiovasculares.

No que diz respeito à patologia cardíaca mais comum e que advêm da falta de saúde oral, o especialista não tem dúvidas em destacar a endocardite bacteriana, doença sistémica que afeta as válvulas cardíacas, causada por bacteriemia transitória, uma vez que, segundo explica: “Os pacientes que já sofrem determinada patologia cardíaca e que não cuidam da sua saúde oral apresentam elevado risco de desenvolver endocardites bacterianas, por contaminação de bactérias através do sangue”.

Contudo, existem também vários estudos que encontram uma forte associação entre a doença periodontal e doenças cardiovasculares no geral, por causa dos “níveis de marcadores pró-inflamatórios, reconhecidos indicadores de risco para as doenças cardiovasculares”, principalmente na doença coronária, “onde já se observou, em amostragem, um aumento de 25% no risco de doença coronária em pacientes com periodontite”.

O especialista da BQDC esclarece ainda que “é necessário estar atento às doenças cardiovasculares mas estas não são as únicas que estabelecem relação com problemas orais, podendo ainda ocorrer outros problemas tais como a Diabetes Mellitus, partos prematuros ou bebés com baixo peso à nascença”.

27 Setembro, 2018
Atualidade

Notícias relacionadas

Novembro em números

Fique a conhecer as cinco notícias mais lidas no nosso site durante o mês de novembro de 2020, segundo dados do Google Analytics.

Ler mais 2 Dezembro, 2020
Atualidade

Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Alexandre Quintanilha foi distinguido com o Grande Prémio Ciência Viva, pela sua ação notável na promoção da cultura científica. Destaque ainda para o Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos, galardoado com o Prémio Ciência Viva Educação, e para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida, que recebeu o Prémio Ciência Viva Media.

Ler mais 24 Novembro, 2020
Atualidade

Elixir bucal pode eliminar o coronavírus?

A pesquisa – liderada pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido – afirma que os elixires bucais que contenham 0,07% de cloreto de cetilpiridínio (CPC) estão a mostrar “sinais promissores” na redução do vírus.

Ler mais 20 Novembro, 2020
Atualidade