FEDCAR pede à UE que grupos económicos possam ter fiscalização ética

Imagem da notícia: FEDCAR pede à UE que grupos económicos possam ter fiscalização ética

A FEDCAR – Federação Europeia dos Reguladores da Medicina Dentária apela à União Europeia (UE) que adote medidas que permitam fiscalizar e sancionar grupos económicos e planos de saúde que atuam na área da medicina dentária. 

O presidente da FEDCAR e bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas, Orlando Monteiro da Silva, explica que “em toda a Europa, incluindo Portugal, tem aumentado exponencialmente nos últimos anos o número de grupos económicos na área da saúde oral. Em muitos casos, estes investidores não têm sede no país onde são prestados os serviços, encontrando-se por vezes até sediados fora da UE. A prioridade destes grupos é exclusivamente maximizar o investimento e isto não é compatível com certas obrigações éticas na prestação de cuidados aos doentes, pelo que é difícil os profissionais compatibilizarem as suas obrigações éticas e legais individuais com as destes grupos, ficando nestas empresas para trás a atuação focada no interesse dos doentes”. 

Na assembleia-geral da FEDCAR, que decorreu no Porto, foi elaborada uma declaração, aprovada por unanimidade, que apela aos estados membros da União Europeia e aos deputados do Parlamento Europeu para a criação de regulamentação adequada em igualdade de circunstâncias para todos, incluindo a igual possibilidade de sancionar, que obrigue os grupos empresariais e planos de saúde a respeitar e apoiar as obrigações éticas e legais dos profissionais de saúde no melhor interesse dos doentes. 

Saiba mais aqui.

2 Julho, 2019
Medicina dentária

Notícias relacionadas

SOPIO: IV Meeting realiza-se em maio

Depois de o evento de 2020 ter sido adiado, o encontro dos especialistas em implantologia oral vai acontecer no próximo mês de maio, num formato virtual.

Ler mais 5 Abril, 2021
AtualidadeEventosMedicina dentária