Notificação de reações adversas a medicamentos sobe 21 por cento

Imagem da notícia: Notificação de reações adversas a medicamentos sobe 21 por cento

Em 2011, foram registadas 2559 notificações de suspeitas de reações adversas a medicamentos, em mais de 230 milhões de unidades comercializadas em Portugal.

O valor representa um acréscimo de 21 por cento em relação ao ano anterior, informa a Autoridade do Medicamento (Infarmed).

O aumento é justificado por “um acréscimo do número de notificações recebidas”, o que “não significa um aumento de casos”, refere a instituição.

No final de julho, foi disponibilizado o portal RAM, através do qual os utentes podem notificar diretamente os casos.

 

11 Setembro, 2012
Atualidade

Notícias relacionadas

Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Alexandre Quintanilha foi distinguido com o Grande Prémio Ciência Viva, pela sua ação notável na promoção da cultura científica. Destaque ainda para o Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos, galardoado com o Prémio Ciência Viva Educação, e para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida, que recebeu o Prémio Ciência Viva Media.

Ler mais 24 Novembro, 2020
Atualidade

Elixir bucal pode eliminar o coronavírus?

A pesquisa – liderada pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido – afirma que os elixires bucais que contenham 0,07% de cloreto de cetilpiridínio (CPC) estão a mostrar “sinais promissores” na redução do vírus.

Ler mais 20 Novembro, 2020
Atualidade