Grávidas contempladas por programa Dente São

Imagem da notícia: Grávidas contempladas por programa Dente São

O programa de saúde oral madeirense, que já abrange as crianças do pré-escolar e 1.º ciclo do ensino básico, deverá ser alargado também às grávidas.

A intenção foi manifestada por Francisco Jardim Ramos, secretário regional dos Assuntos Sociais, durante a abertura da operação Dente São 2012, na Madeira.

O secretário regional lembrou todas as equipas que, desde 1988, fazem este programa na região, tendo começado com o então secretário regional do Turismo, João Carlos Abreu, que na altura, através de um cidadão americano que visitava frequentemente a Região, quis iniciar o tratamento dos dentes dos madeirenses.

Francisco Jardim Ramos estendeu também os cumprimentos ao anterior responsável pelo programa, Gil Fernandes Alves, representante na Região da Madeira do Conselho Diretivo da Ordem dos Dentistas e a Maria do Carmo Silva, atual responsável pelo Programa, que também deu maior amplitude ao programa, evoluindo da prevenção para o programa de rastreio do cancro oral, “pioneiro na Madeira e que começa agora a ser implementado no continente”.

A responsável pelo programa sustentou que “vamos precisar de apoio das enfermeiras de saúde materna. Nas sessões de preparação para o parto, conseguiremos abordar um maior número de pessoas, do que apenas nas sessões de sensibilização só para saúde oral”.

30 Maio, 2012
Atualidade

Notícias relacionadas

Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Alexandre Quintanilha foi distinguido com o Grande Prémio Ciência Viva, pela sua ação notável na promoção da cultura científica. Destaque ainda para o Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos, galardoado com o Prémio Ciência Viva Educação, e para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida, que recebeu o Prémio Ciência Viva Media.

Ler mais 24 Novembro, 2020
Atualidade

Elixir bucal pode eliminar o coronavírus?

A pesquisa – liderada pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido – afirma que os elixires bucais que contenham 0,07% de cloreto de cetilpiridínio (CPC) estão a mostrar “sinais promissores” na redução do vírus.

Ler mais 20 Novembro, 2020
Atualidade