Japoneses investigam nova técnica de regeneração

Imagem da notícia: Japoneses investigam nova técnica de regeneração

Cientistas estudam a possibilidade de separar um dente em duas metades funcionais.

Mediante testes em ratos, os investigadores do Riken Centre for Development Biology, Japão, desenvolveram uma técnica para extrair células dentárias responsáveis pelo crescimento do dente.

Desta forma, conseguiram separar um dente em duas metades, criando dois dentes funcionais, e implantá-los no maxilar de ratos, mediante fio de nylon. Para tal, focaram-se no padrão em forma de onda do gene Lef1, o ativador, e no inibidor Ectodin, para o desenvolvimento do dente.

A experiência durou 15 dias, tempo necessário para constatar que os ratos podiam mastigar e ser estimulados no dente.

No entanto, os investigadores revelam que estes dentes têm metade do tamanho dos normais, pelo que no futuro ambicionam aplicar técnicas de células estaminais para mais desenvolvimentos.

23 Dezembro, 2015
Atualidade

Notícias relacionadas