Gerodontologia revela-se no Porto

Imagem da notícia: Gerodontologia revela-se no Porto

O I Congresso Ibérico de Gerodontologia promete animar a cidade Invicta nos dias 27, 28 e 29 de Maio.

Pela primeira vez no nosso país, a saúde oral na terceira idade ganha importância junto da classe e junta os especialistas da Sociedade Espanhola de Gerodontologia (Seger) aos portugueses interessados em adquirir novos conhecimentos.

O encontro está agendado para o pólo da Foz da Universidade Católica e exibe uma abordagem extremamente multidisciplinar, com oradores de reconhecida competência. “Pessoalmente tenho uma meta”, confessa o organizador do evento João Espírito Santo. “Quero superar os 200, 250 seria perfeito e 300 o êxtase total”, antevê o médico dentista portuense.

Programa abrangente

O presidente do congresso, João Espírito Santo, adianta que esboçou um programa “à minha medida, que me obrigaria a ir todos os dias ao congresso, como jovem, dentista e clínico”.

Com três dias de actividade, o encontro abre com os cursos de pré-congresso de endodontia e implantologia. Durante a tarde segue-se o curso de patologia oral, com os contributos de António Mano Azul, José Vicente Bagán Sebastián, Barbas do Amaral e António Blanco Hungria.

No dia seguinte, aborda-se o estado actual da especialidade, assim como a reabilitação oral com implantes, prótese fixa e prótese removível e a importância do rejuvenescimento facial. No sábado, o congresso encerra com a cirurgia oral nas vozes de António Felino, José Maria Suarez Quintanilla e Francisco Salvato.

Depois de almoço, os congressistas podem absorver as abordagens de tratamento integrado preconizadas por Ricardo Faria Almeida, Juan Blanco Carrión e António Liñares González. “O sábado contará com um calor humano muito especial, já que os moderadores Rui Franco e Paulo Mascarenhas, formados na Universidade de Michigan, têm um conceito integrado diferente e que causará, decerto, um despique interessante com as visões mais europeias de Ricardo Faria Almeida e Juan Blanco Carrión”, auspicia o responsável.

A conferência de encerramento protagonizada por João Pimenta promete animar as hostes, recorrendo à emoção e criatividade que o especialista imprime nas suas participações. “O Pimenta é um sonhador, um criativo que transporta o seu conceito de beleza para aquilo que faz. E quando somos capazes de evidenciar esse conceito nos dentes dos nossos pacientes, tornamo-nos mais úteis do que aquilo que somos na realidade”, acredita João Espírito Santo.


Leia, na íntegra, esta reportagem na próxima DentalPro nº 25

26 Abril, 2010
Atualidade


Notice: Undefined variable: cats in /home/dentalpro/public_html/wp-content/themes/revista-codigopro-2017-v5/single.php on line 71

Notícias relacionadas

Europeus têm dúvidas sobre cirurgia assistida por robô

Uma equipa de investigadores da Universitat Oberta de Catalunya (UOC) analisou os fatores que influenciam a perceção das pessoas sobre o uso da robótica na cirurgia. A experiência anterior com o uso de robôs e a perceção da facilidade de utilização são os fatores que fomentam a confiança nestas técnicas e dispositivos.

Ler mais 16 Maio, 2022
AtualidadeMedicina dentária

Futuro da Ortodontia

Artigo de opinião de Pedro Costa Monteiro, médico dentista e mestre em ortodontia e ortopedia facial sobre o dia Mundial da ortodontia, que se celebra hoje, dia 15 de maio.

Ler mais 15 Maio, 2022
AtualidadeMedicina dentáriaOpinião