Bial continua a aposta na investigação

Imagem da notícia: Bial continua a aposta na investigação

A Bial, que colocou o primeiro medicamento de raiz portuguesa no mercado global, vai aplicar este ano mais 40 milhões de euros no desenvolvimento de novos medicamentos e indicações terapêuticas, avança o Jornal de Negócios.

“Precisávamos de investir muito mais”, começou por confessar António Portela, CEO da empresa. Mas, as “medidas restritivas” impostas pelo Estado português para a área do medicamento, retraiu o ímpeto do grupo da família Portela.

“Nos últimos quatro anos, a média dos preços dos medicamentos Bial baixou 25%, sendo que Portugal continua a ser o nosso maior mercado, representando 60% das vendas”, revelou o responsável.

15 Fevereiro, 2012
Atualidade

Notícias relacionadas