Veneno de cobra poderá ser melhor que a morfina

Imagem da notícia: Veneno de cobra poderá ser melhor que a morfina

A conclusão é de um estudo publicado na revista Nature, levado a cabo por um grupo de investigadores do Instituto de Farmacologia Molecular e Celular (IPMC), do Centro Nacional de Pesquisa Científica de França.

Uma investigação baseada na análise do veneno de 50 espécies de cobras concluiu que o veneno da mamba-negra contém proteínas úteis no combate, a que os pesquisadores chamaram mambalgins. Injetados em ratos, estes produzem um efeito analgésico ao nível do da morfina, mas sem os efeitos colaterais associados ao opióide, como por exemplo as dificuldades respiratórias.

Pesquisas anteriores já tinham provado que as toxinas de determinadas serpentes podem aliviar a dor ao inibir a produção de uma série de proteínas que desempenham um papel fundamental nos estudos de dor persistente.

Anne Baron, do IPMC e principal investigadora deste estudo, mostra apenas algum receio no que concerne à dependência que esta substância pode provocar nos ratos, o que considera um aspeto ainda a ser confirmado.A investigadora acrescenta ainda que é necessário continuar a trabalhar com estudos pré-clínicos que explorem as características destes peptídeos e que permitam, futuramente, a sua terapêutica em humanos.

2 Novembro, 2012
Atualidade

Notícias relacionadas