Estudo identifica relação entre fala e depressão

Imagem da notícia: Estudo identifica relação entre fala e depressão

A fala é um forte indicador da saúde cerebral e as alterações na forma como soa reflete o funcionamento do cérebro, avança um estudo realizado pela Universidade de Melbourne e o Centro de Análise Psicológica de Wisconsin, publicado no Jornal Biological Psychiatry.

“A fala nas pessoas com depressão altera quando respondem ao tratamento, tornando-se mais rápida com menos pausas. As pessoas com depressões mais profundas produzem pausas mais longas e têm uma percentagem de fala mais lenta”, explicou Adam Vogel da Universidade de Melburne.

A maior investigação realizada, até agora, sobre a relação entre fala e depressão vai possibilitar a monitorização dos pacientes pelo telefone, permitindo uma maior flexibilidade nos tratamentos.

 

26 Setembro, 2012
Atualidade

Notícias relacionadas