Técnica 3D salva paciente

Imagem da notícia: Técnica 3D salva paciente

Andrew Dawood, médico dentista inglês, conseguiu construir um maxilar humano inteiro via impressora 3D.

“Utilizamos a técnica de cera perdida, algo que está por cá há cinco mil anos”, disse à Wired Health. Afirmou que a sua técnica permitiu conceber as partes necessárias para realizar uma cirurgia complexa, mediante a recolha de informação de ‘scans’ 3D e registos de pacientes. Partes de gesso foram usadas na impressão 3D, como também plástico, borracha e outros metais. “Para já não imprimimos osso, mas quem sabe um dia”.

Josh Stephenson foi o paciente a quem Darwood reconstruiu o maxilar, após sofrer um melanoma maligno, que obrigou os médicos a remover a Stephenson o olho esquerdo, o maxilar superior e o palato. Ao utilizar uma “cópia” do crânio do paciente, Darwood conseguiu reconstruir o maxilar por inteiro, com também recorrer ao osso do escalpe de Stephenson.

 

6 Maio, 2016
Atualidade

Notícias relacionadas

Novembro em números

Fique a conhecer as cinco notícias mais lidas no nosso site durante o mês de novembro de 2020, segundo dados do Google Analytics.

Ler mais 2 Dezembro, 2020
Atualidade

Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Alexandre Quintanilha foi distinguido com o Grande Prémio Ciência Viva, pela sua ação notável na promoção da cultura científica. Destaque ainda para o Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos, galardoado com o Prémio Ciência Viva Educação, e para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida, que recebeu o Prémio Ciência Viva Media.

Ler mais 24 Novembro, 2020
Atualidade

Elixir bucal pode eliminar o coronavírus?

A pesquisa – liderada pela Universidade de Cardiff, no Reino Unido – afirma que os elixires bucais que contenham 0,07% de cloreto de cetilpiridínio (CPC) estão a mostrar “sinais promissores” na redução do vírus.

Ler mais 20 Novembro, 2020
Atualidade