Dívida do SNS aumentou mais de 50% em três anos

Imagem da notícia: Dívida do SNS aumentou mais de 50% em três anos

A dívida do Serviço Nacional de Saúde (SNS) a fornecedores e credores aumentou 51,6% em 2017, face a 2014, revelou o Tribunal de Contas, num relatório citado pelo Público.

“A dívida do Estado a fornecedores e credores na área da saúde atingiu 2,96 mil milhões de euros no final de 2017. Este valor de dívida representa um aumento de mais de mil milhões de euros face a 2014, quando a dívida representou cerca de 22% do fluxo financeiro para o Serviço Nacional de Saúde. Em 2017, esta proporção aumentara para mais de 29%”.

No mesmo relatório, o Tribunal de Contas recomenda medidas de recapitalização do SNS, nomeadamente “planos de saneamento financeiro de médio e longo prazo”, com programas de orçamentos plurianuais.

Saiba mais aqui

10 Janeiro, 2019
Atualidade

PUBLICIDADE
Straumann

Notícias relacionadas

88% dos médicos dentistas não tem salário fixo

O estudo “Diagnóstico à Empregabilidade”, realizado pela consultora independente QSP, mostra que 88% dos médicos dentistas que trabalham por conta de outrem tem uma remuneração variável e a maioria (69%) aufere entre 30% a 49% do valor dos tratamentos.

Ler mais 22 Maio, 2019
AtualidadeMedicina dentária

BIAL comemora 95 anos

“O futuro sempre esteve na nossa história” é o lema das comemorações dos 95 anos da BIAL. A maior farmacêutica portuguesa nasceu no Porto, em 1924, fundada por Álvaro Portela. Hoje é dirigida pelos descendentes de Álvaro Portela, está focalizada na Investigação & Desenvolvimento (I&D) e tem dois medicamentos inovadores comercializados a nível mundial.

Ler mais 20 Maio, 2019
Atualidade