Investigadores premiados pela tecnologia Biolocker

Imagem da notícia: Investigadores premiados pela tecnologia Biolocker

Uma equipa multidisciplinar do Instituto de Investigação e Inovação da Universidade do Porto (i3S) e das faculdades de Ciências e Tecnologia (FCTUC) e de Medicina (FMUC) da Universidade de Coimbra desenvolveu uma nova tecnologia, baseada numa molécula orgânica natural, que impede a formação de placa bacteriana, a principal responsável pelo surgimento da cárie dentária e de outras patologias dentárias.

Este projeto, denominado Biolocker, foi o único vencedor português da terceira edição do Programa Caixa Impulse, no valor de 70 mil euros.

A Biolocker, cujo trabalho experimental foi parcialmente desenvolvido no i3S pelos investigadores Tiago Santos e Cláudia Monteiro no laboratório de Cristina Martins, está atualmente em processo de registo de patente internacional, e deverá chegar ao mercado dentro de dois anos.

Saiba mais aqui.

23 Janeiro, 2019
Medicina dentária

Notícias relacionadas

Medicina dentária: pandemia indica que setor tem de se adaptar

A medicina dentária precisa de preparar para futuras crises, conclui um estudo feito pela Al-Quds University em Jerusalém, juntamente com o Ministério da Saúde Palestiniano em Ramala e a Universidade de Iowa (Iowa, Estados Unidos da América).

Ler mais 21 Abril, 2021
AtualidadeMedicina dentária