“Queremos provocar um ponto de viragem na medicina dentária”

Imagem da notícia: “Queremos provocar um ponto de viragem na medicina dentária”

Os médicos dentistas António de Sousa, João Braga, João Pimenta, Nuno Ventura, Ricardo Rainha e Rui Paiva criaram a plataforma Fazer Dentária, com o objetivo principal de alterarem o rumo da profissão em Portugal. Em entrevista à DentalPro, afirmaram que “neste grupo embrionário tudo é límpido e claro” e que não conspiram na “escuridão dos medíocres”. “O que temos a dizer está ao alcance de todos e, se nos chamam de populistas, incapazes e mal informados, responderemos com a liberdade de quem nada deve e de quem tem uma vida exemplar a todos os níveis. A nós só nos interessa a dignidade e a defesa dos altos valores éticos e profissionais. Somos o FAZER DENTÁRIA! E este grupo somos todos os que querem mudar e fazer a mudança”.

Porquê decidiram unir-se e criar o Fazer Dentária?
Porque o panorama atual inquieta-nos e convergimos espontaneamente nessa inquietude. Contrariamente ao que alguns pensam, não tivemos nem temos uma estratégia de formação como grupo. Teremos obrigatoriamente uma estratégia de ação com o decorrer do tempo. Achámos que estava mais do que na altura de dizer “basta!”.

De facto, transitaram do verbo “pensar” para o “fazer”. O que é que já fizeram para “engrandecer e dignificar a profissão em Portugal”, como afirmam no vosso site?
Este grupo do Fazer Dentária tem uma perspetiva de atuação a médio prazo. As coisas não surgem facilmente do nada. Da nossa parte, cada um de nós se envolveu desde cedo na vida académica enquanto estudantes, seja nas respetivas associações de estudantes, comissões de curso ou de organizações de congressos. Nestes últimos tempos, julgamos poder afirmar que a nossa atuação despertou o interesse de milhares de colegas que sentimos estavam inquietos com tamanha apatia que nos rodeia. Nos tempos do “Pensar” identificaram-se os problemas. Hoje apontamos soluções para problemas concretos. Temos plena consciência que a situação se vem degradando mas que terá solução. Estamos em tempos de motivação e reflexão.

Não perca toda a entrevista numa das próximas edições.

7 Junho, 2017
Entrevistas

Notícias relacionadas

“Pretendemos que esta formação se situe na vanguarda”

Longínquo vai o ano de 1999, quando a base da especialização em periodontologia foi apresentada pela Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto (FMDUP). Volvidas mais de duas décadas, Ricardo Faria Almeida é o responsável pela nova pós-graduação de Periodontologia e Implantes da instituição portuense.

Ler mais 30 Março, 2021
Entrevistas

“Somos um sindicato democrático”

Em 2010, a DentalPro conversou com António Roseiro, o presidente do primeiro Sindicato dos Médicos Dentistas, instituição que acabou por desaparecer. Uma década depois, é constituído um novo organismo, o Sindicato dos Médicos Dentistas Português (SMDP), e não pudemos deixar de dar voz a João Neto, o seu membro fundador número um e presidente da assembleia-geral.

Ler mais 11 Janeiro, 2021
Entrevistas

“O nosso foco é a digitalização da ortodontia invisível”

Fundada em 2019, a Impress é uma rede de clínicas espanhola especializada em ortodontia invisível que aposta num serviço exclusivamente digital. Após uma primeira consulta presencial, os médicos dentistas fazem todo o acompanhamento dos pacientes através de uma app. Por meio de uma videochamada com Diliara Lupenko, cofundadora e Chief Operating Officer (COO) da Impress, ficámos a conhecer melhor este projeto.

Ler mais 31 Dezembro, 2020
Entrevistas