“Queremos provocar um ponto de viragem na medicina dentária”

Imagem da notícia: “Queremos provocar um ponto de viragem na medicina dentária”

Os médicos dentistas António de Sousa, João Braga, João Pimenta, Nuno Ventura, Ricardo Rainha e Rui Paiva criaram a plataforma Fazer Dentária, com o objetivo principal de alterarem o rumo da profissão em Portugal. Em entrevista à DentalPro, afirmaram que “neste grupo embrionário tudo é límpido e claro” e que não conspiram na “escuridão dos medíocres”. “O que temos a dizer está ao alcance de todos e, se nos chamam de populistas, incapazes e mal informados, responderemos com a liberdade de quem nada deve e de quem tem uma vida exemplar a todos os níveis. A nós só nos interessa a dignidade e a defesa dos altos valores éticos e profissionais. Somos o FAZER DENTÁRIA! E este grupo somos todos os que querem mudar e fazer a mudança”.

Porquê decidiram unir-se e criar o Fazer Dentária?
Porque o panorama atual inquieta-nos e convergimos espontaneamente nessa inquietude. Contrariamente ao que alguns pensam, não tivemos nem temos uma estratégia de formação como grupo. Teremos obrigatoriamente uma estratégia de ação com o decorrer do tempo. Achámos que estava mais do que na altura de dizer “basta!”.

De facto, transitaram do verbo “pensar” para o “fazer”. O que é que já fizeram para “engrandecer e dignificar a profissão em Portugal”, como afirmam no vosso site?
Este grupo do Fazer Dentária tem uma perspetiva de atuação a médio prazo. As coisas não surgem facilmente do nada. Da nossa parte, cada um de nós se envolveu desde cedo na vida académica enquanto estudantes, seja nas respetivas associações de estudantes, comissões de curso ou de organizações de congressos. Nestes últimos tempos, julgamos poder afirmar que a nossa atuação despertou o interesse de milhares de colegas que sentimos estavam inquietos com tamanha apatia que nos rodeia. Nos tempos do “Pensar” identificaram-se os problemas. Hoje apontamos soluções para problemas concretos. Temos plena consciência que a situação se vem degradando mas que terá solução. Estamos em tempos de motivação e reflexão.

Não perca toda a entrevista numa das próximas edições.

7 Junho, 2017
Entrevistas

Notícias relacionadas

Nasceu o laboratório Pedro Estadão Dental Studio

Pedro Chora Estadão abraçou, no início do ano, a responsabilidade técnica dos laboratórios Labimplant e Marum-Tecnidente do grupo Instituto de Implantologia. No entanto, a situação gerada pela pandemia de Covid-19 alterou os seus planos, terminando assim a sua ligação a João Caramês e encetando um novo desafio profissional: a criação do seu próprio laboratório, o Pedro Estadão Dental Studio.

Ler mais 2 Setembro, 2020
EntrevistasPrótese dentária